SECRETARIA DE SAÚDE REALIZA EVENTO PARA PREVENÇÃO DO SUICÍDIO

 

A Prefeitura de Piumhi,  por meio da Secretaria de Saúde e o Departamento de Cultura, realizaram mais um evento para lembrar o movimento Setembro Amarelo no município. O encontro aconteceu na Praça Doutor Avelino de Queiroz, na noite de ontem, 14. A secretaria já vem trabalhado nas escolas o combate ao suicídio, tema da campanha, durante esse mês.

Estiveram presentes o prefeito Adeberto José de Melo (Deco), a secretária de saúde Aline Silva Barbosa, vereadores, funcionários do setor da saúde do município, secretários, populares entre outros.

O Setembro Amarelo é um movimento mundial que tem como objetivo conscientizar a população sobre a realidade do suicídio e mostrar que existe prevenção em mais de 90% dos casos. O suicídio é considerado um problema de saúde pública e mata 1 brasileiro a cada 45 minutos e 1 pessoa a cada 40 segundos em todo o mundo.

Segundo a secretária de Saúde, Aline Silva Barbosa, é muito importante realizar eventos em prol da prevenção do suicídio, pois o número de suicídios e tentativas, em todo o Brasil é muito alto e é primordial trabalhar e ajudar quem necessita.

Ela afirmou que o intuito da montagem do stand foi para marcar o Dia do Setembro Amarelo no município, de maneira que as pessoas se interessem pela causa e queiram conhecer e se informar a respeito.

Aline contou que o trabalho está sendo realizado durante todo o mês nas escolas pelos funcionários dos PSFs e do CAPs e que tem obtido um resultado bastante positivo com os adolescentes, no caso que estão sendo abordados de 11 a 15 anos, trazendo alternativas de tratamento eficazes para os atos de suicídio não serem concretizados, oferecendo apoio e atendimento psicológico, se necessário.

 “O Setembro Amarelo também serve para nos ensinar a ser mais atenciosos, prestativos e que enxerguemos o outro de maneira acolhedora, principalmente para que as famílias possam passar a enxergar os sinais que os adolescentes dão quando estão com esse tipo de ideia ou pensamento”, ponderou.

Sobre o trabalho que está sendo realizado nas escolas, a secretária disse que o objetivo é o de trazer esclarecimentos e informações para melhorar o conhecimento e a consciência da gravidade das tentativas de suicídio, deixando bem explicado que o suicídio é um problema de saúde pública que nos dias de hoje tem altos índices de óbitos.

O próximo passo após esse primeiro trabalho é o de verificar todos os casos que necessitam de atendimentos psicológico e realizar, em ambiente escolar, a primeira abordagem com os profissionais do Caps para que seja definida a demanda e como o adolescente vai ser acompanhado.

Na oportunidade o prefeito Adeberto José de Melo (Deco) lembrou que este trabalho deve ser contínuo e tem total apoio do município. “A saúde é uma das prioridades desta gestão e vamos buscar investir cada vez mais nas diversas áreas de abrangência da saúde, principalmente de forma preventiva”, comentou.