DENGUE: QUANDO VOCÊ CULPA O VIZINHO, O MOSQUITO GANHA TERRENO

A Secretaria Municipal de Saúde de Piumhi iniciou o ano reforçando a importância do combate a dengue todos os dias. O Ministério da Saúde já solicitou que todas as secretarias dos municípios continuem a falar sobre a doença e conscientizar a população, e tem usado o tema “Dengue: quando você culpa o vizinho, o mosquito ganha o terreno”.

O foco deste ano será para as próprias residências, tendo em vista que muitas pessoas imaginam que o problema está apenas ao lado, quando na verdade pode estar na própria casa. Quando o assunto é a dengue, é importante lembrar que não se deve fazer de conta que a água parada só se acumula no terreno do vizinho. Este ato não contribui em nada para combater o Aedes, pois a responsabilidade de eliminar os focos do mosquito é de todos.

Depósitos de água, pratinhos de plantas, bandejas de geladeira, de umidificador, ar condicionado e filtros d’água, além de garrafas retornáveis e lixo, são alguns dos mais frequentes focos do mosquito Aedes aegypti encontrados pelos agentes de endemias em residências.

Vale lembrar ainda que o “mosquito da Dengue”, também pode transmitir a Chikungunya e a Zika. Com a chegada da época do calor e do período chuvoso, todo cuidado é pouco para não deixar água parada em casa. É preciso a união de toda sociedade para que cada um faça a sua parte.

Os agentes de saúde da Secretaria do município continuam realizando os trabalhos nas residências e é preciso que eles tenham acesso aos locais, para evitar possíveis proliferações do mosquito. “Não vamos facilitar a vida do Aedes: elimine os focos do mosquito!”

Aumentar Fonte
Contraste