SECRETÁRIO DE ATENÇÃO À SAÚDE FAZ O COMPROMISSO DE LICENCIAR O SERVIÇO DE HEMODIÁLISE EM PIUMHI

 

Após a Audiência Pública realizada na Câmara Municipal na última segunda-feira (05/08), o prefeito Adeberto José de Melo (Deco), acompanhado dos vereadores Antônio Astésio Tavares, Antônio Fernando Gomes, José Antônio Camargo Junior (Boi), o provedor da Santa Casa José Soares de Melo e a Diretora Executiva da Santa Casa Amanda Costa estiveram empenhados em Brasília para tentar a viabilização da construção de um Centro de Hemodiálise no município.

Em uma coletiva de imprensa realizada na manhã dessa quinta-feira (08/08), foram apresentados os resultados positivos dessa visita, onde lideranças políticas se comprometeram em dar total apoio para que o serviço de hemodiálise seja implantado na cidade.

Participaram da coletiva o prefeito Adeberto José de Melo (Deco), o presidente da Câmara Antônio Astésio Tavares, os vereadores Antônio Fernando Gomes, José Segundo de Faria, José Antônio Camargo Junior, o Senhor José Soares de Melo, entre outros.

Na oportunidade, foi apresentado ao Secretário de Atenção à Saúde, Francisco de Assis Figueiredo a necessidade da instalação dos trabalhos de hemodiálise na cidade, proporcionando atendimento a toda região. Esse encontro foi possível graças ao empenho de várias lideranças, como o Deputado Federal Emidinho Madeira.

Na coletiva, Deco destacou que a visita foi muito positiva, com grandes chances de o serviço ser instalado em breve.

“Estivemos em Brasília para conversar com o Secretário de Atenção à Saúde, no Ministério da Saúde, que nos deu sinal verde para que este nosso trabalho fosse efetivado. Segundo o Secretário, assim que estivermos com a estrutura da hemodiálise pronta, cumprindo todas as portarias exigidas em lei, ele fará o pronunciamento, credenciando o município para que possa começar a funcionar. O Secretário nos informou que atualmente não existem grandes restrições para ser autorizado o chamamento para se construir um centro de hemodiálise. É possível realizar”, ressaltou Deco.

Ainda imbuídos nessa causa, o Senador Rodrigo Pacheco, o Deputado Federal Domingos Sávio, Deputado Federal Emidinho Madeira, Deputado Federal Newton Cardoso Junior e o Ministro Marcelo Antônio Álvaro, se colocaram a disposição para acompanhar todo o processo de instalação dos serviços e agilizar o andamento.

Para o Presidente da Câmara de Piumhi, Antônio Astésio Tavares, é de suma importância o envolvimento do legislativo nessa causa.

“Acho que a importância do legislativo é primordial, tanto de Piumhi como da microrregião que também será beneficiada com o serviço. O momento é de unirmos forças para que os esforços sejam redobramos e consigamos trazer o Centro de Hemodiálise para Piumhi”, reforçou.

Deco reforçou ainda que se for possível montar o centro de hemodiálise com estrutura física, estrutura funcional e a equipe, de acordo com as normas exigidas, o município terá o aval do Secretário que irá credenciar Piumhi prontamente.

“É preciso a união de todos, com emendas dos deputados, ajuda da população e políticos, para a construção local físico. Para isso, vamos elaborar um projeto de engenharia, para dar prosseguimento às adequações”, destacou.

O provedor da Santa Casa contou que a hemodiálise é um serviço que exige muito, mas o município possui as condições ideais para oferecer o serviço. No entanto, é preciso de uma união política para que seja viabilizado mais rápido possível. A expectativa é que até o final de 2020 tudo esteja praticamente pronto para ser inaugurado. Ele enfatizou que o papel da prefeitura e dos vereadores é essencial, pois sem esse apoio isso não teria como acontecer.

O vereador Junior Boi comentou que foi muito produtivo o encontro em Brasília e que por meio de parceria e da união de todos, será possível construir o centro. “A força do legislativo e executivo trabalhando juntos, e ainda com as outras forças políticas, serão mais fortes e irão conseguir esse feito”, reforçou.

O membro do legislativo Antônio Fernando Gomes destacou que os vereadores estão trabalhando em prol dessa causa, e espera que o mais breve possível o centro de hemodiálise possa estar em funcionamento em Piumhi.

Já o edil José Segundo de Faria lembrou que a Câmara está disposta a unir forças e fazer tudo o que for possível para que seja instalada a hemodiálise no município.

A próxima etapa será a comitiva procurar os deputados federais e estaduais para solicitarem apoio.

Aumentar Fonte
Contraste