PREFEITO COBRA DO ESTADO ISENÇÃO DE PEDÁGIO PARA FROTAS MUNICIPAIS

 

Visando melhorias para o município e maneiras de economizar o dinheiro público e apresentar resultados satisfatórios nas formas de administrar a cidade, o Prefeito de Piumhi e Presidente da Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande (AMEG), Adeberto José de Melo (Deco), esteve em Belo Horizonte, juntamente com a secretaria executiva e assessoria jurídica da AMEG, para discutir junto à Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop),  o cumprimento do acordo firmado de isenção de pedágio para as frotas municipais na MG 050.

O documento que já havia sido consolidado informa que: os veículos da administração, destinados aos serviços de saúde e educação, terão a isenção no pedágio da rodovia. No entanto, o acordo ainda não estava sendo concretizado. 

Para tal, a prefeitura terá como obrigação manter atualizado o cadastro com o modelo, marca, cor, placa e número do Termo de Isenção de Pedágio (TAG) de cada veículo para cadastramento no sistema; os custos de aquisição dos TAGs serão de responsabilidade da mesma, assim como eles devem ser usados especificamente nos veículos cadastrados, apresentando qualquer erro o município deve arcar, sendo a tarifa cobrada se isso acontecer.

Em encontro com o Secretário da Setop, Murilo Valadares, o prefeito  aproveitou para explanar algumas demandas de Piumhi entre as quais solicitou a liberação de asfaltamento, pontes e mata-burros. Todas essas solicitações prezam por melhorias para a infraestrutura da cidade, e com a liberação de isenção de taxa de pedágio para os veículos destinados à saúde e educação, significa que com essa economia mais melhorias irão acontecer na cidade.  

“Acreditamos que toda as formas de economia, por menores que sejam, traz sempre um grande benefício para nossa cidade. De pouquinho em pouquinho que economizamos, sobra dinheiro para ser investido em prol da cidade e dos munícipes. Portanto, fomos ao estado cobrar essa isenção, que vai dar certo, e aproveitamos para solicitar algumas de nossas demandas, que são muitas a serem realizadas até o fim do mandato”, comentou o prefeito. 
 
Aumentar Fonte
Contraste