LAUDO É APROVADO PELA SEGOV E OBRAS DA PONTE DO BAIRRO CAPOEIRAS DEVEM SER RETOMADAS NOS PRÓXIMOS DIAS

Após muita cobrança do Prefeito Adeberto José de Melo (Deco) à Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais (SEGOV-MG) e Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (SETOP), foi aprovado nesta sexta-feira (01/11), o laudo da ponte sobre o Ribeirão do Corte, que liga o Centro ao bairro Capoeiras.

Nesta semana, o Prefeito esteve mais uma vez em Belo Horizonte para cobrar agilidade na liberação do laudo, para que as vigas possam ser encaminhadas a Piumhi, para conclusão da obra da ponte. O Deputado Estadual Cássio Soares auxiliou o Prefeito na cobrança junto ao Estado. Também foram à Capital nessa semana, os vereadores José Seabra, Fernando Detetive e Júnior Boi, para acompanhar a situação de perto.

De acordo com Deco, nos próximos dias a situação deve ser regularizada e as vigas devem chegar. Os entraves começaram após solicitação feita pela SEGOV, para elaboração de um laudo técnico para demonstrar a qualidade do serviço realizado na obra, bem como para comprovar a resistência das bases edificadas, mostrando que estão aptas a suportar o tráfego de veículos pesados.

“Estamos correndo atrás para resolver esse problema há meses. No entanto, tudo que estava ao nosso alcance nós fizemos. Por isso, fomos atrás das secretarias do estado, cobrando efusivamente, para que essa situação fosse resolvida. Resta agora, aguardarmos poucos dias para a finalização dos trâmites legais, para que a liberação de fato aconteça. Sabemos que os moradores estão ansiosos pela conclusão dessa obra, por isso, tentamos ao máximo agilizar todo o processo. No entanto, esse imbróglio, que não estava nos planos dessa construção, aconteceu e adiou temporariamente a conclusão. Enfim, resolvemos”, ressaltou o Prefeito.

O laudo foi elaborado pelo engenheiro especialista, José Salvador, e encaminhado à SEGOV no início do mês de outubro, para o responsável pelo setor, Roberto Cesário, que esteve em Piumhi, vistoriando a obra. A ordem de entrega seguirá para a SETOP, que deverá fazer a publicação oficial, autorizando a retirada das vigas, liberadas pelo Governo Estadual, para conclusão das obras.

“Assim que as vigas chegarem a Piumhi, as obras serão retomadas imediatamente”, comentou Edson Pereira da Siva (Edson Baiano), Secretário Municipal de Obras e Infraestrutura, que acompanha a obra desde o início.

Aumentar Fonte
Contraste