PROPRIETÁRIOS DE GRANJAS AVÍCOLAS DEVEM REGISTRAR OS ESTABELECIMENTOS

 

A Prefeitura de Piumhi, por meio da Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Meio Ambiente, vem alertar aos proprietários de locais com criadouro de aves de corte, que os mesmos devem solicitar o registro até o dia 3 de março junto ao Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA).

O registro é obrigatório e o prazo para sua conclusão foi estabelecido pela Instrução Normativa nº 8 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), publicada no Diário Oficial da União em 03/03/2017.

Em Piumhi existem cerca de 20 criadourios ou granja e o registro implica na adoção de medidas de biosseguridade pelas granjas, e tem o objetivo de proteger estes estabelecimentos contra doenças, principalmente a gripe aviária, que tem dizimado planteis avícolas em todo o mundo, que ainda não chegou ao Brasil.

Para o registro, é necessário que os estabelecimentos de criação de outras aves como: codorna e faisão, destinadas à produção de carne e ovos para consumo humano, granjas que comercializam aves ornamentais e aquelas com finalidade de ensino e pesquisa também devem se registrar no mesmo prazo.

Para solicitar o registro da granja, o produtor deverá entregar no escritório do IMA a documentação correta e completa, o que inclui declaração do médico veterinário responsável técnico, informando que foram atendidas todas as exigências previstas pela Instrução Normativa nº 56/2007.

Mais informações, os interessados podem procurar a Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Meio Ambiente a Rua Arthur Rodrigues da Costa, 32 ou pelo telefone 3371-9208.

Aumentar Fonte
Contraste